.

.

.

Ex-paquito da Xuxa adota 17 crianças no país mais pobre do mundo





Ex-paquito da Xuxa se torna missionário e adota 17 crianças no país mais pobre do mundo

Alexandre Canhoni, ex-paquito da apresentadora Xuxa, atualmente é
missionário no Níger e desenvolve um projeto social que cuida de
crianças carentes. Recentemente, ele voltou a ocupar as manchetes no
Brasil por conta de um atentado de intolerância religiosa de extremistas muçulmanos contra a sede da ONG em que trabalha, que também é sua residência.


Localizado na África, o Níger é um dos países mais pobres do mundo, e
o missionário e sua esposa, Giovana, vivem lá há 14 anos, onde adotaram
17 crianças. A vida em uma realidade muito diferente da que viveu no
Brasil na década de 1990 fez Alexandre repensar muitas atitudes tomadas
no passado.


“Me arrependo de muitas coisas, principalmente da maneira como eu via
o público, que para mim era só um número. Eu era interesseiro, não
considerava as pessoas”, diz o hoje missionário sobre a época em que era
vocalista da banda que Xuxa mantinha no extinto Xou da Xuxa.


Numa entrevista concedida ao jornalista Bruno Astuto, da revista Época,
Alexandre Canhoni conta que sua decisão de ajudar as crianças carentes
foi influenciada pela realidade com que teve contato ao chegar à África:
“Em 2001, eu tinha o desejo de conhecer o país mais pobre do mundo e
tive a oportunidade de fazer uma viagem para conhecer o Níger. Desde
então, a minha motivação foi ajudar as crianças que conheci aqui”,
revelou.


Questionado se tem arrependimento da fase em que usava drogas e se
prostituía, o missionário não titubeia: “Claro que sim. Com certeza, me
arrependo, e muito. Não é uma fase de que eu tenha orgulho. Como disse,
me arrependo de muitas coisas”.


A mudança de vida, segundo Alexandre, foi uma consequência desse
arrependimento: “Ser ou não pastor não faz de alguém mais ou menos
pecador. Pequei muito em toda a minha vida, mas quando me encontrei
houve uma transformação, que me fez entender sobre o pecado,
arrependimento e transformação. Não posso dizer que não peco, porque
muitas vezes faço aquilo que não queria fazer, mais não amo mais o
pecado e o pecado não domina mais a minha vida”, pontuou.



Ex-paquito adota 17 crianças no país mais pobre do mundo

Lançamento!

Lançamento!

Contato

Contato
Clique na imagem para acessar

REVISTA PAMM - edição de Outubro

Para escolher o modo de leitura (páginas, livro, slides) Coloque o mouse sobre iPaper > ViewMode> selecione o modo. Para ler no modo Tela Inteira, clik na caixinha abaixo no canto direito, você também pode usar o recurso de zomm.
- Dai, e ser-vos-á dado; boa medida, recalcada, sacudida e transbordando, vos deitarão no vosso regaço; porque com a mesma medida com que medirdes também vos medirão de novo. Lucas 6:38