.

.

.

Vaticano conclui instalação de chuveiros de moradores de rua na Praça de São Pedro





Vaticano conclui instalação dos chuveiros para moradores de rua na Praça de São Pedro

A instalação de chuveiros na Praça de São Pedro, no Vaticano,
ordenada pelo papa Francisco, foi concluída e já está à disposição dos
moradores de rua que vivem no entorno da sede da Igreja Católica.


Além dos chuveiros, uma barbearia também foi instalada no local, e contará com o trabalho voluntário de profissionais
cabelereiros de Roma, que às segundas-feiras, entre às 09h00 às 15h00
oferecerão cortes de barba e cabelo gratuitamente aos moradores de rua.


Os chuveiros instalados atenderão os pobres diariamente, à exceção
dos dias que acontecem a Audiência Geral (tradicionalmente realizada
numa quarta-feira) ou em dias de grandes celebrações na Praça São Pedro.


A cada banho, o morador de rua que for usar os serviços da nova
instalação receberá um kit com roupas íntimas, toalha e produtos de
higiene pessoal, de acordo com comunicado divulgado pela Esmolaria
Pontifícia: “Os nossos peregrinos sem-teto receberão, para a ducha,
roupas íntimas limpas e um kit com toalha, sabonete, creme dental,
barbeador, espuma de barba e desodorante, tudo segundo as exigências
pessoais de cada um”.


Segundo a Rádio Vaticano, a maior parte desses materiais será
oferecido por empresas e doadores privados, e o que faltar, será
providenciado pela Esmolaria a partir das ofertas de fiéis que são
destinadas para esse fim.


Além dos chuveiros e da barbearia, os moradores de rua terão à
disposição banheiros e pias com água quente, sabonete e jato de ar
quente para secar as mãos.


Amor ao próximo

A iniciativa se deu após o papa Francisco ouvir os relatos de seu elemosineiro, dom Konrad Krajewski, a respeito da situação de pouca higiene em que os “peregrinos sem-teto” vivem.


Uma das três cabines com chuveiro instaladas pelo Vaticano
Uma das três cabines com chuveiro instaladas pelo Vaticano
Konrad, que distribui alimento diariamente aos moradores de rua
sugeriu a instalação de chuveiros quando encontrou-se com um morador de
rua chamado Franco, que fazia aniversário naquele dia. Para comemorar a
data, ele o convidou para almoçar num restaurante, mas Franco se negou:
“Não posso ir ao restaurante porque estou mal cheiroso. Aqui ninguém
morre de fome. Mas não há banheiros onde possamos nos lavar”, lamentou o
sem-teto.


Ciente da situação, Francisco não titubeou e ordenou a construção dos
chuveiros sob a colunata da Praça de São Pedro. Além disso, o papa
também determinou a distribuição de sacos de dormir, para que os
moradores de rua pudessem enfrentar as noites do rigoroso inverno
europeu sem sofrer com o frio.




Vaticano conclui instalação de chuveiros de moradores de rua

Lançamento!

Lançamento!

Contato

Contato
Clique na imagem para acessar

REVISTA PAMM - edição de Outubro

Para escolher o modo de leitura (páginas, livro, slides) Coloque o mouse sobre iPaper > ViewMode> selecione o modo. Para ler no modo Tela Inteira, clik na caixinha abaixo no canto direito, você também pode usar o recurso de zomm.
- Dai, e ser-vos-á dado; boa medida, recalcada, sacudida e transbordando, vos deitarão no vosso regaço; porque com a mesma medida com que medirdes também vos medirão de novo. Lucas 6:38